Superintendente da SUFRAMA visita FPF Tech e discute novos nichos de mercado

 em Notícias

O INDT e a FPF Tech receberam nesta sexta-feira, 3 de maio, a visita do titular da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), Alfredo Menezes, para uma reunião com Geraldo Feitoza, Diretor Executivo do INDT, Jório Veiga Filho, Secretário de Estado e Planejamento (Seplan-Cti-AM), e importantes lideranças do setor de indústria, comércio e entidades de classe para discutir estratégias complementares ao modelo do Polo Industrial de Manaus e a necessidade de abertura de novos nichos de mercado.

Também estavam presentes no encontro Ulysses Tapajós, empresário e ex-secretário de finanças da Prefeitura de Manaus, Wilson Périco, empresário e presidente do Cieam (Centro das Indústrias do Estado do Amazonas), Nelson Azevedo, vice-presidente da Fieam (Federação das Indústrias do Estado do Amazonas), Antonio Azevedo, presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico, Sustentável e Estratégico de Manaus (CODESE Manaus), Romero Reis, vice-presidente do CODESE e Ailton Queiroz, CEO do Grupo QS, Roberto Garcia, Diretor de Desenvolvimento de Novos Negócios da FPF Tech/INDT, Andréia Vieira, Diretora de Portfolio da FPF Tech, Elaine Garcia, Gerente do Programa Prioritário de Economia Digital e Carlos Silva, Diretor de Portfolio do INDT.

Durante a visita, o secretário da Seplan-Cti-AM, Jório Veiga Filho, destacou que está buscando o apoio de consultorias para apoiar o Governo na elaboração do Plano de Desenvolvimento Econômico do Estado do Amazonas.

Na reunião, Veiga apresentou um estudo preliminar da consultoria McKinsey & Company, propondo uma metodologia para identificar estratégias de novas políticas para o desenvolvimento econômico da região. O foco deste trabalho é a diversificação da matriz econômica do estado para os setores de Turismo, Piscicultura, Bioeconomia, Mineração, Economia Digital e Agronegócio.

Veiga também destacou algumas iniciativas com potencial para fortalecer o modelo econômico local e atrair novos investimentos, como o Processo Produtivo Básico (PPB), a conversão de turbinas hidráulicas em turbinas eólicas, os processos intensivos para o uso de água na conversão de cerâmica para semicondutores, e a participação do Governo em eventos externos, com a presença de empresários como importantes influenciadores.

Segundo o secretário da Seplan-Cti, “o trabalho conjunto olhará o longo prazo, mas também priorizará as iniciativas que poderão trazer impactos substancias já nós próximos anos”.

Com base em sua experiência na captação do investimento de empresários em outros países, Ailton Queiroz destacou que os principais critérios para atrai investimentos para Manaus são o grau de burocracia, a infraestrutura, a logística, os tributos e a segurança.

Wilson Périco destacou a necessidade das lideranças locais anteciparem-se à Reforma Tributária, prevista para o segundo semestre de 2019, gerando propostas, de forma contributivo e participativa. Segundo Périco, o Estado do Amazonas já contribuiu muito socialmente e ambientalmente, e precisa se mobilizar para contribuir ainda mais, em outros setores da economia. “Precisamos de inteligências neste processo para identificar os riscos da simplificação tributária e verificar como manter a saúde econômica do Estado” — completou.

Geraldo Feitoza, Diretor Executivo do INDT, ressaltou que é preciso incluir na proposta alternativas para o interior do Estado, para evitar o ‘inchaço’ da população de Manaus.

No próximo dia 10 de maio, às 14h, o grupo voltará ao INDT para dar prosseguimento à discussão, aprofundando a pauta, com foco na articulação de iniciativas e na promoção de ações que viabilizem resultados práticos e consistentes para fortalecer a economia local.

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar

Sistema para automatização do processo de alimentação da empacotadora dos blocos de recado

 

BENEFÍCIOS

TECNOLOGIAS

Plataforma para modelamento Creo, plataforma de modelamento Solid Works, programação PLC, linguagem Ladder, normas NR 10 e NR 12.  

 

×